04 setembro 2014

Incêndio que lavrou três dias dominado após chegada de helicóptero

Entrou em fase de rescaldo, ao início desta quinta-feira à noite, um incêndio florestal que lavrou durante três dias na freguesia de Fornelos, em Barcelos. A ajuda de um helicóptero pesado Kamov foi fundamental para controlar as chamas, que esta quinta-feira atingiram proporções maiores, com o surgimento de um novo foco.

O incêndio, que consumia uma zona florestal desde terça-feira, entrou em fase de rescaldo depois das sete descargas feitas pelo Kamov. A proximidade com o Rio Cávado ajudou a uma rápida atuação do meio aéreo foram fulcrais.

O comandante dos Bombeiros Voluntários de Barcelinhos, José Beleza, disse ao JN que "a quantidade de combustível nas florestas e a falta de acessos" foram as maiores dificuldades encontradas pelos operacionais.

Agora que está controlado e em rescaldo, os bombeiros ficarão de vigilância por um período de 24 horas.

No local, estiveram cinco corporações de bombeiros (Barcelinhos, Viatodos, Famalicenses, Fão e Esposende), sapadores florestais, 14 veículos, 35 homens, GNR e um meio aéreo pesado, e helicóptero pesado Kamov. Durante os três dias, o incêndio terá consumido cerca de cinco hectares de mato.

Entretanto, está também a decorrer um outro incêndio no concelho de Barcelos, mais concretamente na freguesia da Pousa, este de menores proporções.

Fonte: JN