23 setembro 2014

Buscas para encontrar banhista desaparecida em Vagos vão prosseguir só em terra

As buscas para encontrar a banhista de 35 anos desaparecida desde segunda-feira no mar da praia do Areão, em Vagos, foram suspensas esta terça-feira, pelas 19h30, e vão ser retomadas na quarta-feira de manhã, mas apenas em terra, informou a Marinha.

Em declarações à Lusa, o comandante da Capitania do Porto de Aveiro, Luciano Oliveira, disse que as operações de busca decorreram esta terça-feira com maior incidência entre a praia do Areão e a praia do Poço da Cruz, em Mira.

Nas buscas estiveram envolvidos meios da Capitania, da Polícia Marítima e dos Bombeiros de Vagos e de Mira, num total de cerca de 30 operacionais.O mesmo responsável adiantou que as buscas vão continuar na quarta-feira de manhã, mas apenas em terra e com um número reduzido de efetivos.

A banhista encontra-se desaparecida desde as 17h30 de segunda-feira quando entrou na água para ajudar uma filha de oito anos e não voltou. A filha da desaparecida foi resgatada com vida e está em casa de familiares. Nesta altura do ano, a praia não tem vigilantes, porque época balnear terminou a 7 de setembro.

Fonte: CM