11 julho 2014

Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada Exigem Demissão da Atual Direção

Cerca de 50 soldados da paz e assalariados da Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada concentraram-se hoje em protesto, em frente às suas instalações, exigindo a demissão do presidente da direção, Vasco Garcia.

Falando em representação de todos os colegas presentes, Teresa Ferreira, bombeira voluntária, alegou o abuso de poder por parte do atual responsável.A

A porta-voz fez referência ainda ao despedimento do comandante da cooperação na passada terça-feira e a sua readmissão no dia seguinte, julgando ser resultado de “pressões”.

Teresa Ferreira revelou ainda que associação, a partir das 12h00 desta quinta-feira, só efetuará missões de socorro a situações urgentes, estando o Presidente do Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores a par da situação.

A responsável adiantou ainda que a assistência das populações dos concelhos de Ponta Delgada e Lagoa poderá ser colocada em risco, por carência de bombeiros, caso o presidente da direção não se demita.


fonte: Radio Atlântida