23 julho 2014

47 mortos e 11 feridos confirmados por Taiwan no acidente de avião em Penghu

O ministro dos transportes de Taiwan, Yeh Kuang Shih, confirmou que 47 pessoas morreram e 11 ficaram feridas na queda de avião da companhia TransAsia, quando realizava manobras de aterragem na ilha de Penghu, no oeste de Taiwan. 
Segundo a agência CNA, citada pela Europapress, o avião, um bimotor ATR 72, caiu no exterior do aeroporto de Magongo, na localidade de Xixi, perto das 19:00 locais (12:00 em Lisboa). O voo tinha saído de Kaohsiung, no sudoeste de Taipé, por volta das 17:00 locais, já com um atraso de uma hora devido as más condições climatéricas causadas pelo tufão Matmo, e estava previsto chegar 35 minutos depois, informou a agência CNA.
O avião despenhou-se na segunda tentativa de aterragem. Na ocasião, a zona apresentava as mesmas más condições meteorológicas verificadas na partida, com chuvas fortes e escassa visibilidade. 
As autoridades ainda não foi apresentaram nenhuma causa oficial para o acidente. 
O piloto tinha pedido autorização para voar em círculos antes de tentar aterrar e nessa altura terá perdido o contacto com a torre, segundo explicou numa conferência de imprensa Jean Shen, diretor geral da administração aeronáutica de Taiwan. 
O avião transportava 54 passageiros e quatro tripulantes. Inicialmente o chefe dos bombeiros de Penghu, Yong Peng, informou que existiam 54 mortos, mas Kuang Shih baixou o número provisório de falecidos para 47. 
Destes 54 passageiros dois são de nacionalidade francesa, mas desconhece-se ainda a nacionalidade dos demais passageiros e tripulantes. 
A agência chinesa Xinhua afirmou que o avião não transportava nenhum cidadão da República Popular da China.

Fonte: DNotícias.pt