24 junho 2014

Área ardida desde Janeiro superior à de 2013

O Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) revelou esta terça-feira que a área ardida desde Janeiro foi de 4.424 hectares, mais 48% em comparação com o período homólogo de 2013.

De acordo com um relatório do ICNF, entre 1 de Janeiro e 15 de Junho registaram-se 2.713 ocorrências de incêndios florestais, mais 389 em comparação com igual período do ano passado, que resultaram em 4.424 hectares de área ardida, face aos 2989 contabilizados em 2013. 

Do total de hectares ardidos, 2.559 dizem respeito a matos e 1.865 a hectares de povoamento. 

«Comparando os valores do ano corrente com o histórico dos últimos dez anos, destaca-se que se registaram menos 51% de ocorrências relativamente à média verificada no decénio e que ardeu menos 60% do que o valor médio de área ardida no mesmo período», indica o documento. 

O ICNF indica que Maio foi o mês que registou um maior número de incêndios, tendo sido contabilizados 1.150 fogos, que resultaram em 1.489 hectares de área ardida. 

Os distritos com maior área ardida desde Janeiro foram Guarda (871 hectares), Viana do Castelo (811 hectares) e Braga (645 hectares). 

O documento refere que o maior incêndio registado nos primeiros seis meses do ano ano ocorreu em Portimão, distrito de Faro, no dia 15 de Junho, que consumiu 384 hectares de floresta.

(c) PNN Portuguese News Network