18 abril 2014

Vítimas de avalanche no Evereste elevam-se para 12

Pelo menos 12 guias nepaleses morreram durante uma avalanche no Evereste, naquele que se tornou o acidente mais mortal da história do montanhismo moderno na mais alta montanha do mundo.

Os 12 homens pertenciam a um grupo que transportava equipamentos para expedições no Evereste, que nesta altura inicia a época alta de escalada.

A avalanche deu-se pelas 6:45 locais (02:00 em Lisboa) a cerca de 5.800 metros de altitude.

"Encontrámos 12 corpos na neve, mas não sabemos quantos poderemos ainda encontrar", disse à agência France Presse um responsável do Ministério do Turismo nepalês.

Uma equipa de salvamento, assistida por helicópteros, prossegue a busca de sobreviventes, sendo que sete pessoas já foram recuperadas com vida, acrescentou a mesma fonte.

Antes deste, o acidente mais mortal no Monte Evereste, nos Himalaias, tinha sido em 1996, quando oito pessoas morreram numa expedição.

Fonte: DNoticias