06 abril 2014

Incêndio destrói iate de 40 mil euros em Aveiro

Um iate de construção recente avaliado em 40 mil euros foi "totalmente consumido" pelas chamas, durante a madrugada, na antiga lota de Aveiro, sem causar danos pessoais.

A embarcação de 17 metros "Samba", registada no Porto de Aveiro, é propriedade da família do armador das pescas Silva Vieira.

O alerta foi dado pelas 3.30. "Quando chegámos, estava tomada pelas chamas. Encontrámos tudo fechado e sem ninguém.Tivemos de arrombar a entrada no passadiço e também forçar a entrada no barco. ", adiantou o segundo comandante dos bombeiros Novos.

Não eram conhecidas as causas do incêndio que atingiu a embarcação de luxo atracada no cais de acostagem da Associação Aveirense de Vela de Cruzeiro (AVELA).

A Polícia Marítima esteve no local a dar apoio à operação de combate e rescaldo, tendo soliicitado a presença do piquete da Polícia Judiciária, como é normal nestes casos.

O "Samba" sofreu "um rombo no casco, abaixo da linha de água, e ficou em risco de afundar, obrigando à mudança para outro local onde não coloque a navegação em perigo", explicou o comandante da Capitania do Porto de Aveiro, Luciano Oliveira.

Um lancha de recreio que estava atracada junto ao iate também sofreu alguns danos, tendo a intervenção dos bombeiros evitado que as chamas alastrassem a veleiros.

Fonte: DN