14 março 2014

Mulher retirada sem vida do rio Ferreira

Uma mulher foi retirada sem vida do leito do rio Ferreira, na tarde de sexta-feira da semana passada. O corpo foi visto a boiar durante cerca de um quilómetro e foi puxado para a margem por um grupo de jovens.

Depois foi uma Equipa de Salvamento em Águas Bravas, dos Bombeiros Voluntários de Valongo, que resgatou a vítima. Quando foi encontrada, a mulher usava apenas roupa interior.

A Polícia Judiciária esteve no local.


Pescadores e pessoas que estavam junto às margens do rio Ferreira viram um corpo a boiar e alertaram a GNR que, por sua vez, pediu ajuda aos Bombeiros Voluntários de Valongo. Esta corporação logo mobilizou a sua Equipa de Salvamento em Águas Bravas, que se dirigiu para junto da Ponte dos Arcos, em Campo, local situado a mais de um quilómetro do primeiro sítio onde o corpo foi avistado.

E foi junto à Ponte dos Arcos que um grupo de jovens entrou na água para puxar o corpo para a margem. "Quando chegámos o corpo estava a boiar junto à margem", descreveu o 2º comandante dos Bombeiros de Valongo. Bruno Fonseca referiu ainda que o óbito de uma mulher com idade compreendida entre os 45 e os 55 anos foi decretado pela equipa da Viatura Médica de Emergência e Reanimação do Hospital São João.

A Polícia Judiciária esteve no local e vai investigar este caso.

Fonte: Verdadeirolhar.pt