08 fevereiro 2014

Ministério recusa mudar central do 112 para Leiria

O gabinete do ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, refere não “estar previsto” o regresso da Central 112 a Leiria, como defende o comandante dos Bom­beiros Voluntários de Leiria, Almeida Lopes, para evitar atrasos nos pedidos de socorro à população.

Em resposta às preocupações do comandante dos bombeiros sobre a demora na comunicação aos bombeiros das ocorrências, de que é exemplo um caso ocorrido no dia 31 de Janeiro em Coimbrão, em que os bombeiros chegaram 30 mi­nutos depois de ter ocorrido uma colisão entre duas viaturas, da qual resultou um ferido grave, o Ministério da Administração Interna (MAI) refere que “não está previsto que a Central 112 regresse a Leiria”.

 

fonte: Diário de Leiria