04 janeiro 2014

Proteção Civil da Guarda faz recomendações para minimizar efeitos de eventual nevão

proteção-civil-300x168O Serviço Municipal de Proteção Civil da Guarda emitiu hoje um comunicado com conselhos que procuram minimizar os “impactos negativos” da eventual queda de neve prevista para o fim de semana.

Face à “elevada probabilidade de queda de neve” e no sentido de possibilitar os trabalhos de limpeza, em caso de necessidade, o Serviço Municipal de Proteção Civil recomenda aos condutores que evitem circular de automóvel “enquanto as vias não estiverem desimpedidas”, fazendo-o apenas se for “realmente necessário”.

“Circule de preferência em viatura com tração integral (4×4). Caso circule de automóvel em zonas com neve, coloque correntes na sua viatura e respeite a sinalização implantada”, é também apelado.

Aos condutores que circulem na Via de Cintura Externa da Guarda (VICEG) é pedido que mantenham “sempre livre a faixa da esquerda” e, caso não consigam progredir, encostem a viatura na berma da direita.

Caso as pessoas pretendam sair ou entrar na cidade, são aconselhadas e recorrer às autoestradas A25 (Aveiro/Vilar Formoso) ou A23 (Guarda/Torres Novas), evitando as estradas nacionais 16 (Guarda/Celorico da Beira) e 18 (Guarda/Covilhã), enquanto os trabalhos de limpeza não estiverem concluídos.

Dentro da cidade, o Serviço Municipal de Proteção Civil recomenda a utilização da VICEG e do corredor de circulação que abrange as avenidas Dr. Francisco Sá Carneiro, Monsenhor Mendes do Carmo, Cidade de Safed, Cidade de Bejar, Cidade de Watterbury e Cidade de Salamanca, e a rua António Sergio.

“A colaboração de todos é fundamental para minimizar os impactos negativos dos episódios de queda de neve”, lê-se na nota.

 

por asBeiras.pt