24 dezembro 2013

Explosão em apartamento fez voar marquise

Quatro adultos e duas crianças não sofreram, esta terça-feira, qualquer ferimento na sequência de uma explosão, antecedida por um incêndio, que fez voar a marquise de um apartamento em Mesão Frio.

O alerta foi dado cerca das 18.30 horas. Um incêndio, com causas ainda por apurar, provocou uma explosão no 1º esquerdo de um prédio na Rua Nossa Senhora de Fátima, Mesão Frio, concelho de Guimarães, junto ao complexo desportivo do Vitória.

Ao que o JN conseguiu apurar, uma fuga de gás terá provocado depois a explosão que fez voar a marquise do apartamento. Os estilhaços provocaram danos numa viatura e numa habitação vizinha.

Dentro de casa estavam o casal de proprietários, com duas crianças, que recebiam um outro casal para passarem todos a consoada desta noite. A forte explosão não provocou qualquer ferimento em nenhum deles. "Tivemos aqui uma situação de muita sorte", afirmou ao JN o comandante dos bombeiros de Guimarães, Joaquim Oliveira.

Jorge Cristino, da Protecção Civil, informou ainda não ter sido "necessário o realojamento da família, porque têm retaguarda familiar".

O apartamento ficou, para já, inabitável.

No local estiveram 7 homens da corporação dos Bombeiros Voluntários de Guimarães, com duas viaturas.

Fonte: JN