25 julho 2013

ESA PONTE DE LIMA PROMOVE CET DE DEFESA DA FLORESTA CONTRA INCÊNDIOS

A Escola Superior Agrária do Instituto Politécnico de Viana do Castelo, solicitou à Direcção Geral do Ensino Superior um pedido de funcionamento do Curso de Especialização Tecnológica em Defesa da Floresta contra Incêndios [CET-DFCI], curso de Nível V, prevendo-se o seu início para o próximo mês de Outubro.

Com este CET, pretende-se formar profissionais e técnicos especialistas de defesa da floresta contra incêndios que, de forma autónoma ou integrado numa equipa, é capaz de realizar o planeamento operacional e a execução de acções concretas no domínio da Defesa da Floresta contra Incêndios, relacionadas com a prevenção, a pré-supressão, a primeira intervenção, o combate alargado, o rescaldo e a gestão pós-fogo.

PARA PARTICIPAR DESTE CURSO DEVERÁ SER PREENCHIDA A FICHA DE PRÉ-INSCRIÇÃO DO LINK: https://app.box.com/s/6zxxszkz0awffdz04mzu


As competências a adquirir visam:


  • Contribuir para sensibilizar os cidadãos da sua região de actuação quanto à prevenção de ignições, tendo em conta o universo das causas dos incêndios e contribuir para o conhecimento dessas causas em colaboração com as autoridades competentes;
  • Coordenar e executar operações de silvicultura para a prevenção de incêndios, utilizando o equipamento e as técnicas adequadas, incluindo o fogo controlado;
  • Coordenar e executar operações de manutenção de infraestruturas de DFCI, nomeadamente, faixas de gestão de combustível, caminhos e pontos de água;
  • Utilizar os diferentes instrumentos de comunicação normalmente associados à detecção e ao alerta de novos focos de incêndio;
  • Utilizar a cartografia disponível e realizar levantamentos cartográficos;
  • Coordenar e executar operações de combate a incêndios nas suas diferentes vertentes, incluindo a primeira intervenção, o combate alargado, a utilização do fogo táctico e a utilização de técnicas de rescaldo;
  • Utilizar técnicas de recuperação pós -fogo, incluindo as associadas à regeneração dos povoamentos florestais.

Público Alvo:

Técnicos de associações de produtores florestais, de serviços municipais de protecção civil, sapadores florestais, bombeiros, elementos de equipas de combate a incêndios florestais;

Contactos/Informações e envio de Inscrições: